Matheus Ap Godoy Ribeiro
Publicado em:

sex 23 janeiro 2015

←Home

Entrevista com Henrique Bastos

Entrevista com Henrique Bastos

A primeira vez que ouvi o HenriqueBastos foi no GrokPodcast, foi o que me motivou a pesquisar sobre Python

Episodio 6 - A linguagem Python - Parte 1

Episodio 7 - A linguagem Python - Parte 2

Episodio 12 - Django - O framework web para perfeccionistas

Li todos os posts no blog henriquebastos.net. Mas precisava de algo mais,conhecer mais de perto o Henrique e seus conhecimentos foi entao que ingressei no curso Welcome To The Django, o qual RECOMENDO FORTEMENTE, mesmo para quem usa outro framework ou linguagem, as boas práticas de desenvolvimento ensinadas no curso são para a vida toda.

Atualmente acompanho o Henrique Bastos pelo youtube e no podcast Curto Circuito.

Seguem as respostas do Henrique.

Muito obrigado Henrique!

1. Em que momentos na vida agradeceu por ter escolhido Python e quais os motivos?

Essa pergunta e cabulosa e tem muitas sutilezas nas entrelinhas.

Minha resposta curta é: NENHUM.

Não me entenda mal. Eu gosto muitíssimo da linguagem Python e de todo o seu ecossistema. Mas observe que eu só "escolhi Python" porquê gosto, porquê percebo afinidades que me atraem. Esses valores subjetivos são difíceis de demonstrar, mas por sorte temos uma pequena referência no Zen do Python, por exemplo. De todo modo, eu programo mais em Python do que em outras linguagens, mas estou sempre aprendendo algo novo.

Se há algo pelo que agradecer, fica meu agradecimento para todas as pessoas que colaboraram direta ou indiretamente para que Python exista. E do meu lado, fica a satisfação de "me ouvir" continuamente e insistir na busca pelo que gosto.

2. Qual conselho compartilha com jovens desenvolvedores?

Seja cético, principalmente com as suas certezas. Mas seja passional com as suas preferências, sem esquecer que são apenas suas preferências.

3. Qual pergunta que não fiz você gostaria de responder e qual e a resposta?

Que dia e hoje?

Dia 2 de Janeiro de 2014.

Topo
comments powered by Disqus